fevereiro 09, 2009

Uma descarada promoção de Salazar

Bastou-me o visionamento de cerca de 15 minutos da "telenovela" em dois capítulos, para perceber que a estação do Sr. Balsemão quer facturar à custa da desinformação e de forma oportunista disputar as audiências com o "Conta-me como foi", que apesar de tudo, tem um cariz mais VERDADEIRO em relação aos tempos que vivemos sob a pata da igreja e do FASCISMO patriarcal do Sr. António BOTAS!
A forma é descarada: O António passa a ser um "garanhão" que papou tudo e todas (figura que agrada ao machismo latino e tem sucesso garantido) ao contrário da verdadeira matriz do ditador perverso, educado no seio duma Igreja reaccionária que acoitava nos seus seminários muitos pedófilos e seres com desvios mentais perigosos. ESTE FOI O MEIO QUE PARIU O ANORMAL!

Para ilustrar, desmascarando a brandura televisiva, reproduzo abaixo uma imagem que encontrei num blogue e que REVELA a verdadeira face do ditador e do amor que ele tinha pelas mulheres portuguesas.

Os esbirros de Salazar carregam sobre operárias do Barreiro em 1943

Aqui fica uma imagem que é um contributo contra a mistificação do António "bom ditador" e da sua verdadeira face em relação às mulheres.

Sem comentários: